Autor: Raphael Barreiros

20 e tantos anos, fundador do blog. Profissional de TI e viciado em tecnologia. Raphael descobriu seu interesse por tecnologia por volta dos 10 anos de idade, mas seu grande hobby são os arguiles há 8 anos. Todo seu tempo livre ele faz as manutenções no blog, pesquisas em sites estrangeiros e responde dúvidas dos leitores através do seu email: raphael@blogdoarguile.com.br. Sempre que lhe sobra algum dinheiro ele faz compras fora do país para provar das novidades no mundo arguileiro e expor suas opiniões para os leitores. Fundou o blog em: 30/07/2008

  • Arguile: King of the Road
    Mangueira: Brasuka
    Rosh: MukaBowl U.F.O.
    Carvão Usado: 3 Coco Beast
    Cheiro: Laranja
    Sabor: Laranja
    Formato: Corte pequeno, poucos galhos. Fumo melado.
    Tontura: Zero
    Fumaça: Grande quantidade.
    Duração: 1:10h
    Nota: 9.5/10
    Comentários: O fumo é de laranja bem cítrica, como deve ser. Um dos melhores senão o melhor fumo de Laranja que já experimentei ! Altamente recomendado pra quem gosta de fumos cítricos.

  • Arguile: KM Kamanja
    Mangueira: Brasuka
    Rosh: Alien Phunnel
    Carvão Usado: 3 Coco Beast
    Cheiro: Cranberry com um leve cítrico.
    Sabor: Cranberry com algo cítrico, imperceptível.
    Formato: Corte pequeno, quase sem galhos. Fumo Preto e molhado.
    Tontura: Zero
    Fumaça: Grande quantidade.
    Duração: 1:20h
    Nota: 8.5/10
    Comentários: Se você gosta de Cranberry, compre, senão nem arrisque. O gosto de Cranberry é predominante. Assim como a fruta, é meio azedinho.

  • Arguile: El Nefes Sultan
    Mangueira: Brasuka
    Rosh: Alien Phunnel
    Carvão Usado: 3 Coco Beast
    Cheiro: Quase neutro, um pouco azedo.
    Sabor: Pouco doce quando puxa, azedinho quando solta
    Formato: Corte pequeno, quase sem galhos. Fumo Preto e molhado.
    Tontura: Zero
    Fumaça: Boa quantidade.
    Duração: 1:30h
    Nota: 7.5/10
    Comentários: Gostoso, mas não chega a ser um fumo que você vai parar e pensar: “NOSSA! Agora vou fumar Graviola.” Nem “Nossa, que vontade de fumar Graviola que me deu!”, mas é um fumo agradável, diferente, que se você comprar com certeza vai fumar para dar uma quebrada nos fumos de rotina.
    Eu sempre gostei, fui saber que era de graviola ontem e fumava de vez em quando. Compre, mas no máximo 250g.

  • Desculpem o atraso, tive uns problemas com meu PC e não consegui renderizar o video com a Intro, mas semana que vem segue normal, já que estou formatando meu PC 🙂

    Espero que gostem da review!

    Arguile: Khalil Mamoon Heart of Lion
    Mangueira: Thunder Lite
    Rosh: MukaBowl Predator
    Carvão Usado: 3 KaNara
    Cheiro: Floral com Uva
    Sabor: Exatamente o mesmo do cheiro
    Formato: Corte pequeno e bem melado
    Tontura: Zero
    Fumaça: Densa, branca em grande quantidade
    Duração: 1:20h
    Nota: 10/10
    Comentários: Um fumo floral na medida, nada enjoativo, misturado com Uva. Um fumo muito recomendado que vale sempre a pena ter.

  • http://youtu.be/9R9AxQhi9Gs
    Arguile: El Nefes Sultan
    Mangueira: Fancy Hose
    Rosh: Alien Phunnel
    Carvão Usado: 3 Coco Beast
    Cheiro: Casca de Limão
    Sabor: Limão, como mordendo a casca e atravessando
    Formato: Corte pequeno e bem melado. Sem galhos.
    Tontura: Zero
    Fumaça: Densa e branca
    Duração: 1 hora e meia
    Nota: 8/10
    Comentários: Fumo cítrico, mas nada exagerado, dando pra fumar mais de um rosh sem enjoar. Excelente pra quem gosta de fumos cítricos mas nada muito forte.
  • Você já parou pra pensar o porquê você fuma Arguile (ou seja lá como você conheça: Arguilé, Narguile, Narguilé, Narguila, Hoookah, Shisha, Water Pipe) ?

    Comecei fumando Arguile quando moleque, com amigos porquê achava legal e saboroso (saudades do Al Fakher Manga!), juntei uma grana e comprei o meu primeiro de um amigo, claro que era um maldito arguile Chinês.

    Depois de  um certo tempo decidi vender e comprar outro, fui na Maxi Four – que tem algumas lojas aqui em São Paulo, especializada em comidas Árabes e vendem arguiles também – vi os modelos e perguntei a procedência de alguns, a vendedora me disse que eram todos Sírios ou Libaneses comprei um tal arguile “Libanês” feito na China – mal eu sabia na época que o Líbano não produzia arguiles – e saí me sentindo o máximo. Comprei uns Afzal e Al Fakher e o carvão deles, parecido com Abo Alabed.

    Com o tempo começou a me surgir algumas dúvidas e comecei a pesquisar e aprender mais, mas a informação em sites nacionais era escassa. Por sorte tinha feito curso de Inglês e comecei a ler o forum HookahPro. Fui adquirindo conhecimento durante um bom tempo e decidi fazer minha primeira importação no Hookah-Shisha, que é a loja virtual mais antiga e a única que eu tinha plena certeza que chegaria tudo ok.

    Fiz minha compra: MYA Econo Gelato, Coco Nara, fumos Al Waha e dois Phunnel Havana.
    Chegou tudo certo, mas com taxa pois pedi por USPS Express, que é mais visado. Comecei a perceber o que era bom e que os caras do HookahPro estavam certos, era outra coisa! Fui tomando gosto pela coisa e aprendendo cada vez mais.
    Certo dia resolvi criar o Blog do Arguile para ajudar as pessoas que tinham o mesmo interesse: aprender e compartilhar conhecimento.

    Cada vez mais aprendemos e vamos repassando a informação à todos vocês, que temos um hobby e paixão em comum, que – pelo menos pra mim – surgiu de querer soltar fumaça sem o mínimo conhecimento de nada e agora é algo que me dedico grande parte do meu tempo livre. Sempre que estou com meus amigos, estamos com arguile pois é uma forma de estamos sempre juntos, apreciando, conversando e aprendendo ou falando besteira.

    O arguile me ensinou que mesmo em uma coisa antiga e aparentemente simples tem técnica para se preparar e além disso, aprendemos física e química sem ao menos nos darmos conta disso. Além do mais, eu comecei a ter interesse em saber como as coisas são feitas: arguile, mangueira, fumo, rosh e carvão e também comecei a gostar muito mais de comidas Árabe, não só Esfiha e Kibe. Também aprendi algumas palavras em Árabe, o que me dá vontade de aprender a falar.

     

    Bom essa é minha história, hoje o Blog já existe há mais de 4 anos e cada dia vejo que conseguimos ajudar muita gente, seja através de posts, emails e no fórum. É muito satisfatório ver tudo isso acontecer, seja ajudando as pessoas a aprender mais e aprendendo com elas e também ajudando as pessoas a criarem produtos nacionais, evitando importações e com produtos de qualidade equivalente ou superior aos gringos.

    Aproveito a agradecer todos os leitores e todas as pessoas que já conversei (seja pessoalmente, por email, por mensagem privada no forum, no facebook, onde for) e que a grande maioria pude extrair muito conhecimento e repassar aos outros.

    Conte sua história nos comentários e fiquem a vontade em escreverem pra mim: raphael@blogdoarguile.com.br

  • http://youtu.be/K1BxOX7xjgc
© Copyright 2017 - Blog do Arguile - Todos os direitos reservados Joe Black